O que é o Sicoob

Conheça aqui os motivos para
se associar e abrir sua conta.

 

Imagine mais de 6 milhões de pessoas construindo juntas um mundo com mais cooperação, pertencimento, responsabilidade social e justiça financeira: este é o Sicoob – Sistema de Cooperativas Financeiras do Brasil. Hoje, somos centenas de cooperativas financeiras com atuação em todos os estados brasileiros, sempre regidas por esses valores.

Quem faz parte do Sicoob conta com mais de 3 mil pontos de atendimento, milhares de caixas eletrônicos e uma diversidade de canais digitais que permitem o acesso a um portfólio completo de produtos e serviços financeiros – como conta corrente, investimentos, crédito, cartões, previdência, consórcio, seguros, cobrança e muito mais –, com taxas bem mais justas que as encontradas no mercado financeiro convencional.

Isso acontece porque, aqui, quem se associa não é apenas um cliente: é um cooperado e, como dono do empreendimento, participa democraticamente das decisões e dos resultados financeiros – resultados esses que são reinvestidos no desenvolvimento regional, em um círculo virtuoso de prosperidade socioeconômica.

6,1 milhões de
cooperados
 
352
cooperativas
singulares
2.090
municípios
atendidos
3.894
pontos de
atendimento em
todos os estados
 
13° maior grupo
empresarial
do Brasil*

* Segundo o ranking Melhores e Maiores,
da Revista Exame (2021), categoria Bancos.

Única instituição
financeira em
326 municípios
 
 
(Dados de março/2022)

Entenda o Sicoob

O Sicoob está organizado em três níveis operacionais que vinculam cooperativas singulares, centrais e o Centro Cooperativo Sicoob - CCS.
  • As cooperativas singulares são as entidades que prestam atendimento direto aos cooperados. Elas têm atuação local e estão presentes em todos os estados e no Distrito Federal; 
  • As cooperativas centrais são as entidades regionais que promovem a integração sistêmica das cooperativas singulares a elas filiadas, coordenando-as e oferecendo-lhes apoio. Hoje, o Sicoob opera com 16 centrais distribuídas pelo território nacional;
  • O CCS tem por finalidade representar institucionalmente o Sistema e é responsável pelas normas, políticas, condutas, processos, tecnologias, produtos, serviços e marcas de todo o Sistema.
Integram o CCS:
  • Uma confederação;
  • Um banco cooperativo; 
  • Um instituto voltado para o investimento social estratégico;
  • Uma distribuidora de títulos e valores mobiliários;
  • Uma processadora e bandeira de cartões;
  • Uma administradora de consórcios;
  • Uma entidade fechada de previdência complementar;
  • Uma seguradora do ramo vida e previdência.

Propósito, Missão, Visão e Valores

Propósito

Conectar pessoas para promover justiça financeira e prosperidade.

Missão

Promover soluções e experiências inovadoras e sustentáveis por meio de cooperação.

Visão

Ser referência em cooperativismo, promovendo o desenvolvimento econômico e social das pessoas e comunidade.

Valores
  • Respeito e Valorização das Pessoas;
  • Cooperativismo e Sustentabilidade;
  • Ética e Integridade;
  • Excelência e Eficiência;
  • Liderança Inspiradora;
  • Inovação e Simplicidade.
Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito

Os depósitos em cooperativas financeiras têm a proteção do Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito (FGCoop). Esse fundo garante os depósitos e os créditos mantidos nas cooperativas singulares de crédito e nos bancos cooperativos em caso de intervenção ou liquidação extrajudicial dessas instituições. Atualmente, o valor limite dessa proteção é o mesmo em vigor para os depositantes dos bancos: R$ 250 mil por CPF ou CNPJ.