Entrar
Acesse sua conta

Quando pode ser usado o fundo de reserva? - Sicoob Planalto Central

Investindo um pouco por mês, você realiza grandes planos

Conquistar o imóvel dos seus sonhos, comprar aquele veículo incrível, fazer um curso no exterior ou até uma cirurgia plástica: tudo isso fica bem mais fácil quando você conta com um Consórcio do Sicoob. Escolha o plano que mais combina com as suas necessidades e adquira bens e serviços com praticidade, planejamento, segurança e sem juros. E o melhor: sem entrada e com as vantagens do pagamento à vista.

 

Confira as vantagens:

  • Flexibilidade: escolha o plano que mais combina com suas necessidades
  • Economia: financie até 100% do bem com menor custo final, sem taxa de adesão, com parcelas acessíveis e sem juros
  • Facilidade: acompanhe sua cota pelo App Sicoob

 

 Informe-se sobre a disponibilidade deste produto na sua cooperativa de crédito.

Serviço de atendimento ao Consorciado. Capitais e regiões metropolitanas – 4007 1905. Demais regiões – 0800 607 3636

 





Um cantinho todo seu é sinônimo de tranquilidade e conforto para você e quem mais importa na...




Investindo um pouco por mês, você conquista o carro que tanto merece.

Se você deseja trocar...




Se o seu sonho é ter uma moto, conte com o Consórcio do Sicoob para realizá-lo. As taxas são...




Investindo um pouco por mês, você conquista o caminhão, utilitário ou trator para chegar...




Com um pouco de planejamento, você pode contar com o Consórcio de Serviços do Sicoob para...




Com um pouco de planejamento, você pode contar com o Consórcio de Bens Duráveis do Sicoob...

Abra a sua conta e aproveite as vantagens

Perguntas Frequentes

null Quando pode ser usado o fundo de reserva?

a. Cobrir eventuais faltas de recursos do fundo comum;
b. Custear despesas que sejam resultantes de demandas judiciais e extrajudiciais;
c. Pagamento das despesas feitas pela ADMINISTRADORA com a retomada e consolidação da propriedade dos bens dados fiduciariamente em garantia e que estão sob a posse direta dos inadimplentes.

Sua dúvida não apareceu aqui?