Conhecendo de perto a Cooperativa de Crédito Rural de Bom Despacho (Credibom), um grupo de produtores rurais pensou em fundar também uma cooperativa em Luz, procurando despertar as lideranças rurais e unir produtores para apoiar a ideia.

Realizou-se então uma reunião preliminar para discutir a viabilidade do projeto, composta por Otaviano Izidorio de Carvalho, Luiz Antônio Garcia de Carvalho e Idelmar José de Oliveira; todos estes diretores da Cooperativa de Produção Agropecuária de Luz (Copagro).

Depois de vários encontros, estudos e análises decidiram levar adiante o projeto e procuraram o presidente da Credibom, Sr. Jacques Gontijo Álvares, que deu o apoio necessário para a realização deste sonho.

26/08/1988 - Criação da Cooperativa de Crédito Rural de Luz - CREDILUZ.        

13/02/1989 - A CREDILUZ iniciou suas atividades com o apoio da Copagro, que cedeu suas instalações.

02/01/1998 - O Sicoob Crediluz inaugura em Estrela do Indaiá/MG, seu PAC (Posto de Atendimento Cooperativo), hoje chamado de PA.

1ª DIRETORIA EXECUTIVA

Presidente: Otaviano Izidorio de Carvalho

Vice-Presidente: Luiz Antônio Garcia de Carvalho

Secretário: Idelmar José de Oliveira

1º CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Carlos Paulinelli Rabelo

Ronaldo Araújo Resende

Silvério Coimbra de Carvalho

1º CONSELHO FISCAL

Luiz José de Oliveira

Alganásio Basílio Vieira

Noé Junqueira de Araújo

20 PRIMEIROS ASSOCIADOS

Otaviano Izidorio de Carvalho

Luiz Antônio Garcia de Carvalho

Idelmar José de Oliveira

Carlos Paulinelli Rabelo

Silvério Coimbra de Carvalho

Ronaldo Araújo Resende

Osmane Garcia de Carvalho

Geraldo Pinto Fiúza

Alganásio Basílio Vieira

Washington Fiúza Paulinelli

José Joaquim da Silva

José Silvério Botinha

Antônio Garcia de Campos

Paulo Garcia de Carvalho

Silvério Paulinelli Rabelo

Robinson Caetano Paulinelli

Paulo Paulinelli de Carvalho

Luiz José de Oliveira

Paulo Roberto Gomes de Almeida

José Ferreira de Assunção

LINHA DO TEMPO

1988 - Constituição da Cooperativa de Crédito Rural de Luz – Crediluz.  

1988 - Criação do Sicoob Central Crediminas.

1988 - A Constituição Federal de 1988, em seu artigo 192 incluiu as Cooperativas de Crédito no Sistema Financeiro Nacional, dando um novo horizonte ao futuro das mesmas.

1989 - A Crediluz iniciou suas atividades. O imóvel onde se instalou a instituição foi cedido pela Cooperativa de Produção Agropecuária de Luz Ltda. – Copagro. 

1990 - O Decreto nº 99.192 extingue o BNCC (Banco Nacional de Crédito Cooperativo). Do dia para a noite as Cooperativas de Crédito deixam de ter cheque compensado, forçando que as mesmas façam convênios com outras instituições financeiras, principalmente o Banco do Brasil, foi esse o caminho seguido pela Crediluz.

1994 - A Resolução 2099/04 volta a permitir a abertura de Unidades de Atendimento (PAC´s). Desde 1965 as Cooperativas podiam prestar atendimento apenas em suas sedes.

1995 - A Resolução nº 2.193 permite a constituição de bancos comerciais controlados por cooperativas de crédito, os bancos cooperativos.

1996 - A Crediluz adquire da Copagro seu primeiro imóvel próprio. 

1996 - O anúncio da criação do Bancoob, em novembro, ocorreu em um momento de evolução e fortalecimento do cooperativismo de crédito brasileiro. O ambiente normativo favorável à integração permitiu que comerciantes, empresários, produtores rurais, profissionais liberais, servidores públicos e trabalhadores da iniciativa privada se unissem para fundar uma instituição financeira.

1997 – Lançamento do Pronaf. Parceria Crediluz/BDMG. O Pronaf foi criado através do Decreto 1.946, com o objetivo de promover o desenvolvimento sustentável da "agricultura familiar". 

1998 - Inauguração Agência da Crediluz em Estrela do Indaiá/MG. Se beneficiando da resolução 2099/04 em que permitiu às cooperativas a abertura de Unidades de Atendimento fora de sua sede, a Crediluz chegou a Estrela do Indaiá. 

1999 - A Resolução nº 2.608 revoga a Resolução nº 1.914. Atribui às cooperativas centrais o papel de supervisionar o funcionamento e realizar auditoria nas cooperativas singulares filiadas. Estabelece limites mínimos de patrimônio líquido ajustado.

2000 - Lançamento Sistema Cabal Brasil.

2000 - A Resolução nº 2.788 permite a constituição de bancos múltiplos cooperativos.

2001 - Criação do Sicoob Confederação. 

2002 - Implementação do Fundo Garantidor do Sicoob (FGS). Fundo este que tem por finalidade proteger depositantes e investidores das instituições associadas, respeitados os limites e condições estabelecidos no seu Regulamento; Contribuir para prevenção de crise sistêmica no segmento cooperativista; Contribuir para a manutenção da estabilidade do Sistema Nacional de Crédito Cooperativo (SNCC).

2003 - Unificação da Identidade Visual Sicoob. 

2004 - Lançamento do Instituto Sicoob. O Instituto Sicoob foi criado em 2004, pela cooperativa Sicoob Metropolitano na cidade de Maringá – PR, com o objetivo de difundir a cultura cooperativista e contribuir para a promoção do desenvolvimento sustentável das comunidades.

2006 - Sicoob Crediluz recebe autorização do Banco Central do Brasil (BACEN) e se transforma numa cooperativa de livre admissão, deixando de atender somente a produtores rurais e passa a atender a toda comunidade. 

2006 – Um novo conselho é eleito.

2007 – Para melhor atender aos associados em Luz, a cooperativa adquire seu primeiro ATM (Terminal de Auto Atendimento).

2008 - O Sicoob Crediluz, comemorando seus 20 anos de atuação, realiza uma cerimônia de homenagem aos 20 associados fundadores da cooperativa. 

2008 - A Resolução nº 3.531 possibilita aos bancos cooperativos a contratação de qualquer cooperativa de crédito como correspondente, para fins de captação de poupança rural.

2009 - É sancionada a Lei Complementar 130/2009 que reconhece para as Cooperativas de Crédito direitos que já haviam sido reconhecidos através de Resoluções do Banco Central.

2010 - Início da construção da nova sede do Sicoob Crediluz. A agência, que incialmente havia sido cedida pela Copagro, já não suporta mais o fluxo de associados e se faz necessário a aquisição e construção de um novo imóvel. 

2012 – Agência de negócios Sicoob Crediluz

2013 - O Sicoob Crediluz adere ao PDGC - Programa de Desenvolvimento da Gestão das Cooperativas, que é um dos programas do Sescoop voltados ao desenvolvimento da autogestão das cooperativas. 

2014 - A cooperativa inicia um Projeto de Educação Financeira para alunos da rede Municipal de Ensino.

2014 - Inauguração da matriz. O Sicoob Crediluz inaugura sua nova sede em Luz, com mais espaço e organização, permitindo ao associado conversar com o colaborador com mais privacidade.

2014 - Implantação da nova Estrutura de Governança. A cooperativa passa a ter a figura de diretores executivos, eleitos pelo conselho de administração. 

2014 - Criação do Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito – FGCoop

2015 - Adoção do Conceito da Sustentabilidade. Mediante sua participação no Programa de Desenvolvimento de Gestão das Cooperativas (PDGC), o Sicoob Crediluz inicia uma série de ações pautadas nos eixos econômico, social e ambiental.

2016 - O Sicoob Crediluz adquire um imóvel próprio em Estrela do Indaiá/MG, para melhor atender aos associados e a comunidade. 

2017 - Em maio é inaugurado a nova agência do Sicoob Crediluz em Estrela do Indaiá e para comemorar, a cooperativa realiza uma festa com show de Marcelinho de Lima. As barracas do evento foram cedidas a instituições sociais da cidade.

2017 – Nova Sede Central Crediminas

2018- O Sicoob Crediluz comemora seus 30 anos de fundação.

30 anos de história, um sonho realizado! Durante a festa de 30 anos, realizada no Parque de Exposições de Luz, no último dia 11/08, foi feita a homenagem aos 30 homens, produtores rurais, que acreditaram e lutaram para que essa cooperativa se concretizasse.

2018 - É iniciado o projeto de expansão do Sicoob Crediluz com a inauguração da Agência de Sabará/MG no centro Histórico da cidade.

2019 - O Sicoob Crediluz passa de porte II para porte III, sendo considerada numa classificação geral, como uma grande cooperativa do sistema.

2019 – Em sequência ao projeto de expansão para os grandes centros, a cooperativa inaugura a agência de Nova Lima/MG, localizada no Jardim Canadá. 

SITUAÇÃO ATUAL

O SICOOB CREDILUZ atua em Luz e região desde 1989. Ele vem desempenhando seu papel financeiro e social junto a seus associados e suas comunidades, baseando-se nos princípios de ajuda mútua, solidariedade, democracia e participação; fazendo cumprir sua missão de “Promover soluções e experiências inovadoras e sustentáveis por meio de cooperação”.

Hoje o SICOOB CREDILUZ possui sua sede própria em Luz/MG, agência em Estrela do Indaiá/MG, Sabará/MG e Nova Lima/MG. Temos uma equipe de funcionários treinados e empenhados, uma diretoria dedicada, um conselho de administração e fiscal compromissados com o desenvolvimento econômico e social e uma cooperativa central competente que caminha lado a lado com os ideais da instituição e aspirações dos associados.

SICOOB CENTRAL CREDIMINAS

A Cooperativa Central de Crédito de Minas Gerais Ltda – Sicoob Central Crediminas é uma cooperativa de segundo grau, responsável pela coordenação e centralização dos processos operacionais e de representação das suas cooperativas singulares filiadas.

O Sicoob Central Crediminas existe desde 1988, para efetuar a centralização financeira, a fiscalização e o assessoramento nas áreas de crédito, economia, tecnologia, contabilidade, comunicação e marketing, organização e métodos, jurídica e capacitação profissional das cooperativas que a integram.

BANCOOB

O Banco Cooperativo do Brasil S.A. - Bancoob é um banco comercial privado especializado no atendimento a cooperativas de crédito, cujo controle acionário pertence a entidades filiadas ao Sicoob. Seu trabalho é orientado para manutenção de um relacionamento estreito, cordial e transparente com as cooperativas, satisfazendo suas necessidades e buscando a melhoria contínua de processos.

Desde a sua constituição, em 1996, a instituição financeira vem construindo uma história baseada na gestão estratégica dos negócios e no trabalho integrado, com a finalidade de estimular o desenvolvimento do cooperativismo de crédito no País. Trata-se de uma organização formada por pessoas e para pessoas que têm um sonho comum: diminuir as desigualdades sociais existentes nos municípios brasileiros, por meio da democratização do acesso a produtos e serviços financeiros.

Ao mesmo tempo em que coloca em prática os ideais cooperativistas, o Bancoob busca soluções para incrementar o portfólio das cooperativas, desenvolvendo ações que priorizam a decisão colegiada e a gestão de controles e riscos. Para alcançar esse objetivo, expandiu o campo de atuação e formou seu conglomerado.

Atualmente, o banco é sócio da Bancoob DTVM, da Cabal Brasil e da Ponta Administradora de Consórcios. Por questões normativas, políticas e econômicas, cada empresa possui uma estrutura adequada aos negócios e desenvolve ações estratégicas para beneficiar as cooperativas.

SICOOB CONFEDERAÇÃO

A Confederação Nacional das Cooperativas do Sicoob Ltda. - Sicoob Confederação é uma cooperativa de terceiro grau, segundo a legislação cooperativista e, como instituição, possui personalidade jurídica própria. Foi constituída pelas cooperativas centrais do Sistema - Centrais Sicoob, com a finalidade de defender seus interesses, promovendo a padronização, supervisão e integração operacional, financeira, normativa e tecnológica. Define ainda, políticas e estratégias de comunicação e marketing, principalmente em relação à marca Sicoob.

Por meio da Confederação, as cooperativas de crédito do Sicoob, de primeiro e segundo nível, têm acesso a serviços de auditoria direta e indireta, ouvidoria e relacionamento com associado, capacitação de pessoas, informações gerenciais e soluções tecnológicas como o Sisbr - Sistema de Informática do Sicoob. Criado em 2001, o Sisbr integra operacional e nacionalmente as cooperativas do Sicoob, agregando o que há de mais moderno da área de tecnologia para proporcionar toda a infraestrutura e facilidade que o negócio precisa.

A Confederação representa a materialização da proposta de consolidação, organização e fortalecimento do Sicoob, com vistas à atuação sistêmica, formando, em conjunto com as Cooperativas Centrais, Cooperativas Singulares e o Bancoob (Banco Cooperativo do Brasil), uma grande rede compartilhada. A representação das cooperativas do Sicoob também é exercida em parceria com os demais sistemas cooperativos, por intermédio da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), na busca do aperfeiçoamento da regulamentação que disciplina o segmento. Em sintonia, os órgãos cooperativos ampliam o campo de atuação, fazendo esforço adicional em benefício de todos.