Releases Releases

Voltar

Sicoob liberará R$ 1.1 bi em recursos por meio do Funcafé

Nesta semana, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) repassou R$ 4,9 bilhões aos agentes financeiros que operam o Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé), segundo publicação no Diário Oficial da União.

Do montante, R$1,1 bilhão será destinado aos produtores rurais cooperados do Sicoob, maior sistema cooperativo financeiro do País. Os recursos têm como finalidade o financiamento do setor produtivo do café.

O Sicoob anualmente celebra contratos junto ao MAPA para solicitação de recursos a serem aplicados principalmente por cooperativas dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Espirito Santo, Bahia, Paraná e DF. Os agentes financeiros atuarão na aplicação dos recursos do Funcafé na safra 2018/2019, em financiamentos para as seguintes finalidades de crédito: custeio, estocagem, aquisição de café, capital de giro para indústrias de café solúvel e de torrefação de café, cooperativas de produção.

 

Prazos e taxas

As taxas de juros foram definidas no lançamento do Plano Agrícola e Pecuário 2018/2019, no início de junho deste ano. As taxas de financiamentos de custeio e estocagem foram fixadas em até 7% ao ano e até 9,5% a.a. para FAC e linhas de capital de giro, para as cooperativas e indústrias do setor. No Sicoob, para a taxa de 7,0% a.a. são oferecidas as linhas de custeio, estocagem, FAC. Cooperativas e Capital de Giro Cooperativas. Já para a taxa de 9,5% a.a. o Sistema disponibiliza o FAC indústria e Capital de Giro Industria.